Importação de Automóvel. Faça Você o Mesmo. Pág 109,post 3259: fórmula de cálculo ISV - Página 179
 Rede MPL:
Página 179 de 179 PrimeiraPrimeira ... 169178179
A mostrar resultados 5,341 para 5,363 de 5363

Título: Importação de Automóvel. Faça Você o Mesmo. Pág 109,post 3259: fórmula de cálculo ISV

  1. #5341
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    1,928

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por nto Ver Post
    Em tempos, houve uns dois ou três users que o fizeram.

    Agora se eles ainda por aqui andam... é que falta saber.
    Só me lembro do DonJuan (salvo erro é assim), com o seu Z3M.

    Mas ele veio com as matriculas do antigo proprietário, e depois deve ter feito chega-la a Itália.


  2. #5342
    Piloto de Provas de Perícia
    Data de Registo
    Aug 2013
    Posts
    692

    Por Defeito

    Boa noite a todos.

    Em Fevereiro legalizei uma viatura pelo método antigo.
    Agora, pretendo legalizar outra, mas como o sistema da alfandega passou a ser online, fiquei com dúvidas.

    Continua a ser obrigatória a inspeção b e posteriormente homologação diretamente a um balcão físico imt? Depois tenho de preencher a dav online e liquidar o imposto, e os documentos são digitalizados e enviados online certo?
    Grato pela ajuda.

  3. #5343
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    1,928

    Por Defeito

    Boas,

    Julgo que ai coloquei como é.

    A única diferença é fazer o preenchimento da Dav online, os documentos são entregues presencialmente na Alfândega.

  4. #5344
    Piloto de Kart Batmaxx's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2007
    Localização
    Viseu
    Posts
    82

    Por Defeito

    Bom Dia

    Alguém sabe se está previsto a discussão ou alteração da lei face a importação de clássicos uma vez que se torna impossível legalizar neste momento devido ao CO2 ?

    Aliás nem sei até que ponto pode ser legal devido a estes veículos terem como registo Euro 1 por ex. terá de ser criada lei para ser taxado devidamente de acordo com a lei de ano de compra do automóvel correto ?

  5. #5345
    Piloto de Testes Viriauto's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2013
    Localização
    Red River City
    Posts
    1,387

    Por Defeito

    Sem certezas creio que já existe algo na legislação que diz respeito à legalização de clássicos por um valor bastante inferior, no entanto o carro tem de obedecer a alguns critérios, valor histórico, etc.

    O IUC novo é que não se livram.

  6. #5346
    Piloto de Testes Vogal's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2005
    Localização
    Somewhere
    Posts
    2,087

    Por Defeito

    Boas

    Alguém sabe quanto custa em média uma matricula temporária da Alemanha para 30 dias? Vem por camião, mas para poder circular quando chegar a Pt.

    E já agora, porque dentro do mesmo modelo (motor, ano, equipamento, jantes, medidas) tenho valores diferentes de g/km. (neste caso, o Mercedes B 180 cdi 7g (2016) que tanto aparece com 104, como com 107 como com 113g/km).

  7. #5347
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    1,928

    Por Defeito

    Cá não consegues fazer matricula de lá. Vem de camião mas matriculada é isso? Depende do carro, mas para 14 dias entre os 100€/200€.

    Quanto ao co2 é mesmo assim, também não entendo. Nos smarts por ex alguns são 86g outros 87 e alguns 89g, tudo igual, só muda o co2. Nos mini jcw r56 igual, de 153g a 165g, se for cabrio ainda varia mais. Meganes os 1.5 que é o motor do 180, vai dos 90 aos 123g salvo erro, é uma diferença enorme em termos de legalização.

  8. #5348
    Piloto de Testes Vogal's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2005
    Localização
    Somewhere
    Posts
    2,087

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por LucianoOliveira Ver Post
    Cá não consegues fazer matricula de lá. Vem de camião mas matriculada é isso? Depende do carro, mas para 14 dias entre os 100€/200€.

    Quanto ao co2 é mesmo assim, também não entendo. Nos smarts por ex alguns são 86g outros 87 e alguns 89g, tudo igual, só muda o co2. Nos mini jcw r56 igual, de 153g a 165g, se for cabrio ainda varia mais. Meganes os 1.5 que é o motor do 180, vai dos 90 aos 123g salvo erro, é uma diferença enorme em termos de legalização.
    Exactamente. Passa de 2340€ para 3000€ so por essa diferença de g/km em ISV.
    Tenho de ver no COC a apurar se o valor esta correto...

  9. #5349
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    1,928

    Por Defeito

    Confirmar sempre no Coc, ai é que conta. As diferenças são grandes.. €€.

    Qq coisa dispõe.

  10. #5350
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Jan 2003
    Localização
    Coruche, Portugal.
    Posts
    7,112

    Por Defeito

    Boas Pessoal,

    Estou a analisar a aquisição de um veículo importado, indo eu à alemanha buscá-lo, mas no simulador do ISV disponível online, surgiu-me uma dúvida, que está a influenciar bastante o valor do ISV. Trata-se das Partículas no caso dos Diesel e só tem 2 valores disponíveis:
    < 0,002 g/km
    >= 0,002 g/km

    Como é que sabemos isto? No Mobile.de, não vem mencionado. Conseguem ajudar-me?

    Estou a usar o simulador das finanças: https://aduaneiro.portaldasfinancas.gov.pt/jsp/main.jsp
    As viaturas que ando a analisar são Audi A3 2.0TDi de 150cv e Merc A200CDI de 136cv

    Obrigado desde já!

  11. #5351
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Feb 2007
    Localização
    Sintra
    Posts
    1,547

    Por Defeito

    isso altera em 500 eur o preço do carro, ou pelo menos há uns anos era a diferença que fazia. todos os diesel de hoje em dia emitem abaixo disso, devido à fap, por isso seleccionas o valor de "menos 0,002 g/km"

  12. #5352
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Jan 2003
    Localização
    Coruche, Portugal.
    Posts
    7,112

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por pedrorkc Ver Post
    isso altera em 500 eur o preço do carro, ou pelo menos há uns anos era a diferença que fazia. todos os diesel de hoje em dia emitem abaixo disso, devido à fap, por isso seleccionas o valor de "menos 0,002 g/km"
    É mesmo essa a questão Pedro, obrigado pelo esclarecimento

  13. #5353
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Jan 2003
    Localização
    Coruche, Portugal.
    Posts
    7,112

    Por Defeito

    Boas Pessoal.
    Encontrei este manual de importação na Net, acham que está correcto ou falta alguma coisa? Já ouvi faltar em algumas coisas que se podem fazer online.

    Fonte: http://www.e-konomista.pt/artigo/com...m-carro-usado/

    Antes de comprar deve saber:

    • Ano do carro e quilometragem;
    • Danos visíveis e possíveis (com o número do chassi pode investigar, através do ISP, se o mesmo já esteve envolvido em algum acidente ou até se não é furtado);
    • Quantos proprietários;
    • Preços da legalização e por quem vai ser feita;
    • Se o preço já inclui IVA.


    1. ASSEGURAR TRANSPORTE

    Assegurar o transporte do automóvel deve estar predefinido. Portanto, se pretende importar um automóvel, pode optar por contratar uma transportadora ou conduzi-lo até Portugal. Se optar pela segunda, tem de comprar uma matrícula e um seguro temporário.

    2. VERIFICAR SE TEM A DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA


    Ao importar um carro usado no estrangeiro, este tem de vir com a declaração da venda, o certificado de matrícula e de conformidade europeu (COC).

    3. INSPEÇÃO PERIÓDICA


    A primeira coisa que tem de fazer quando chegar a Portugal é a inspeção periódica. Esta deverá ser do tipo B.

    4. HOMOLOGAR O CERTIFICADO EUROPEU


    O passo três é deslocar-se ao Instituto de Mobilidade e Transporte para certificar-se de que o seu novo automóvel está em conformidade com a documentação que trouxe.

    5. DECLARAÇÃO ADUANEIRA DOS VEÍCULOS


    Posteriormente, deve ir à Alfândega mais próxima, preencher a Declaração Aduaneira de Veículos, bem como entregar toda a documentação referida anteriormente. Nesse momento, ser-lhe-á dito quanto deve pagar pelo Imposto Sobre Veículos (ISV).

    6. MATRÍCULAS


    Após pagar o ISV, deverá esperar um a dois dias até receber a sua nova matrícula. Depois, pode produzir as chapas e aplicá-las na sua viatura.

    7. SEGURO AUTOMÓVEL


    Como mudou a matrícula do seu automóvel importado, deixa de poder circular com o seguro antigo (registado com as matrículas antigas). Nesse caso, deve fazer um seguro novo.

    8. IR NOVAMENTE AO IMT


    Desde o passo anterior até fazer o registo do seu carro importado usado, tem 60 dias para circular livremente. Nesse período, deve dirigir-se novamente ao IMT, entregar a documentação conseguida na Alfândega e requisitar o Documento Único.

    9. REGISTAR O CARRO


    Quando tiver o Documento Único, que deverá demorar três semanas a chegar, deve fazer o registo da viatura na Conservatória do Registo Automóvel.

    10. PAGAR O IMPOSTO ÚNICO DE CIRCULAÇÃO (IUC)


    Finalmente, deve pagar o Imposto Único de Circulação e, deste modo, acabou-se a trabalheira. Infelizmente, o mesmo não pode ser dito para as despesas, mas ao comprar um carro já sabe que vai ter de gastar.

  14. #5354
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Apr 2013
    Posts
    204

    Por Defeito

    Alguem me sabe dizer se, para motociclos usados importados da UE, também se aplica aquilo dos 6 meses E 6.000 kms? Já andei à procura na legislação, mas não encontro isso em lado nenhum (para carros também não, btw, mas na Alfandega também me confirmaram isso, há 2 anos)

  15. #5355
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Jan 2003
    Localização
    Coruche, Portugal.
    Posts
    7,112

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por HelderMarques Ver Post
    Alguem me sabe dizer se, para motociclos usados importados da UE, também se aplica aquilo dos 6 meses E 6.000 kms? Já andei à procura na legislação, mas não encontro isso em lado nenhum (para carros também não, btw, mas na Alfandega também me confirmaram isso, há 2 anos)
    Boas Helder.

    No site de cálculo do ISV, tens lá uma nota importante, que copiei abaixo, mas o importante é que refere "Veículos" e "Meios de Transporte". Logo, motociclos estão incluídos.

    Até porque no Simulador de ISV, tens a opção de Simular para Motociclos.

    #########

    NOTA IMPORTANTE:
    Os resultados obtidos na presente simulação não vinculam a Administração Fiscal.

    Quando da aplicação das tabelas de taxas A) e B) do ISV resultar apuramento de imposto inferior a EUR 100, há lugar ao pagamento desta importância. (Artigo 7º, n.º 4 da Lei n.º 22-A/2007, de 29 de Junho).
    IVA - Imposto sobre o Valor Acrescentado
    Veículos provenientes de um Estado-membro da U.E.
    Face ao disposto no nº 2 do art.º 6º do Regime do IVA nas Transacções Intracomunitárias (RITI), os meios de transporte novos estão sujeitos a IVA em território nacional.

    Considera-se meio de transporte novo, aquele que, no momento da transmissão (venda), reúna um dos seguintes condicionalismos:
    - A transmissão não seja efectuada há mais de seis meses após a data da 1ª utilização;
    - Não tenha percorrido mais de 6.000 km.
    Entende-se por data da 1ª utilização a constante do título do registo de propriedade ou documento equivalente (nº 3 do art.º 6 do RITI). O respectivo cálculo é efectuado a partir da aplicação da taxa do IVA sobre a base tributável, constituída pelo valor de aquisição e do ISV devido. A taxa do IVA é atualmente de 23%, 22% ou 18%, consoante a aquisição intracomunitária seja efetuada no Continente, na Região Autónoma da Madeira ou na Região Autónoma dos Açores, respetivamente.

    Os Particulares, de acordo com o Código do Imposto Sobre Veículos, devem pagar o IVA devido pelas aquisições intracomunitárias de meios de transporte novos sujeitos a ISV junto da alfândega, através da DAV. O pagamento do IVA é efectuado em simultâneo com o ISV.

    Os meios de transporte adquiridos por particulares e que sejam considerados usados i.e. aqueles cuja transmissão (venda) seja efectuada há mais de seis meses após a data da 1ª utilização e tenham percorrido mais de 6.000 km, não devem IVA em território nacional, sendo o imposto liquidado e cobrado no momento da transmissão (venda).

    Veículos provenientes de um país terceiro
    No caso dos meios de transporte serem provenientes de um país terceiro, novos ou usados, estão sempre sujeitos a IVA, sobre uma base tributável constituída pelo valor aduaneiro do veículo (valor transaccional adicionado das despesas de frete e seguro), os direitos aduaneiros e demais imposições devidas pela importação, nomeadamente, o ISV. (Artigo 17º do Código do IVA).

    #########

  16. #5356
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Apr 2013
    Posts
    204

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Max Ver Post
    Boas Helder.

    No site de cálculo do ISV, tens lá uma nota importante, que copiei abaixo, mas o importante é que refere "Veículos" e "Meios de Transporte". Logo, motociclos estão incluídos.

    Até porque no Simulador de ISV, tens a opção de Simular para Motociclos.

    #########

    NOTA IMPORTANTE:
    Os resultados obtidos na presente simulação não vinculam a Administração Fiscal.

    Quando da aplicação das tabelas de taxas A) e B) do ISV resultar apuramento de imposto inferior a EUR 100, há lugar ao pagamento desta importância. (Artigo 7º, n.º 4 da Lei n.º 22-A/2007, de 29 de Junho).
    IVA - Imposto sobre o Valor Acrescentado
    Veículos provenientes de um Estado-membro da U.E.
    Face ao disposto no nº 2 do art.º 6º do Regime do IVA nas Transacções Intracomunitárias (RITI), os meios de transporte novos estão sujeitos a IVA em território nacional.

    Considera-se meio de transporte novo, aquele que, no momento da transmissão (venda), reúna um dos seguintes condicionalismos:
    - A transmissão não seja efectuada há mais de seis meses após a data da 1ª utilização;
    - Não tenha percorrido mais de 6.000 km.
    Entende-se por data da 1ª utilização a constante do título do registo de propriedade ou documento equivalente (nº 3 do art.º 6 do RITI). O respectivo cálculo é efectuado a partir da aplicação da taxa do IVA sobre a base tributável, constituída pelo valor de aquisição e do ISV devido. A taxa do IVA é atualmente de 23%, 22% ou 18%, consoante a aquisição intracomunitária seja efetuada no Continente, na Região Autónoma da Madeira ou na Região Autónoma dos Açores, respetivamente.

    Os Particulares, de acordo com o Código do Imposto Sobre Veículos, devem pagar o IVA devido pelas aquisições intracomunitárias de meios de transporte novos sujeitos a ISV junto da alfândega, através da DAV. O pagamento do IVA é efectuado em simultâneo com o ISV.

    Os meios de transporte adquiridos por particulares e que sejam considerados usados i.e. aqueles cuja transmissão (venda) seja efectuada há mais de seis meses após a data da 1ª utilização e tenham percorrido mais de 6.000 km, não devem IVA em território nacional, sendo o imposto liquidado e cobrado no momento da transmissão (venda).

    Veículos provenientes de um país terceiro
    No caso dos meios de transporte serem provenientes de um país terceiro, novos ou usados, estão sempre sujeitos a IVA, sobre uma base tributável constituída pelo valor aduaneiro do veículo (valor transaccional adicionado das despesas de frete e seguro), os direitos aduaneiros e demais imposições devidas pela importação, nomeadamente, o ISV. (Artigo 17º do Código do IVA).

    #########

    Obrigado, era isso mesmo! Estou esclarecido!

  17. #5357
    Piloto de Troféu Real's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2003
    Localização
    Aveiro
    Posts
    9,845

    Por Defeito

    Alguém sabe se haverá algum problema em importar um veículo cuja versão não exista em Portugal? Estou a falar em concreto do motor 1.2 a gasolina da VW, num Touran.

  18. #5358
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    1,928

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Real Ver Post
    Alguém sabe se haverá algum problema em importar um veículo cuja versão não exista em Portugal? Estou a falar em concreto do motor 1.2 a gasolina da VW, num Touran.
    Julgo que não há qualquer entrave. É o que não falta no nosso mercado.

  19. #5359
    Piloto de Testes Viriauto's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2013
    Localização
    Red River City
    Posts
    1,387

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Real Ver Post
    Alguém sabe se haverá algum problema em importar um veículo cuja versão não exista em Portugal? Estou a falar em concreto do motor 1.2 a gasolina da VW, num Touran.
    Informa-te bem sobre isso. Se é uma versão que não está homologada em Portugal é uma dor de cabeça e muita despesa.

  20. #5360
    Piloto de Troféu rc's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2003
    Posts
    9,105

    Por Defeito

    O certificado Europeu de Conformidade não serve também para essas situações?

  21. #5361
    Pedestre
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    46

    Por Defeito

    Olá,

    Fiz este simulador (https://impostosobreveiculos.info/si...pido-isv-2018/) para calcular o ISV e gostava de obter algum feedback sobre a utilização do mesmo.
    O meu objectivo era que fosse o simulador mais fácil de usar actualmente e que desse aos utilizadores um panorama geral da melhor escolha, em termos de combustível e ano de matrícula.

    O que acham?
    Última edição por mobilista : 17-10-17 às 14:30:20

  22. #5362
    Piloto de Kart dkc's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2010
    Posts
    385

    Por Defeito

    Boas, alguém pode ajudar a fazer uma simulação de uma importação de um veiculo sff?
    Já fiz algumas vezes no simulador IA/ISV e IUC para usados importados, mas o valor tá muito distante do que sempre obtive.
    Cumprimentos

  23. #5363
    Pedestre
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    46

    Por Defeito

    Qual é o modelo, CO2, cm3 e ano?

Tópicos semelhantes

  1. PLADUR - "Faça você mesmo" ou nem por isso?
    Por Texuga na secção OFF Topic
    Respostas: 54
    Último Post: 17-05-09, 10:32:34
  2. Respostas: 0
    Último Post: 27-07-08, 15:58:17
  3. Faça você mesmo - Substituir painel A/C Lancia Lybra
    Por JorgeCorreia na secção Boxes
    Respostas: 6
    Último Post: 21-04-08, 20:42:53
  4. Calculo preço automovel usado
    Por megabiscoito na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 2
    Último Post: 25-01-08, 19:10:25
  5. Importação de automovel
    Por macklin na secção Boxes
    Respostas: 1
    Último Post: 08-05-06, 14:19:04

Etiquetas para este tópico

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •  

A Motorpress Lisboa S.A. não pode ser responsabilizada pelas opiniões, imagens, links ou outros conteúdos submetidos pelos utilizadores deste Fórum.
Este Website encontra-se registado na Comissão Nacional de Protecção de Dados.